O Congo

 

     O Congo é um município brasileiro localizado na microrregião do Cariri Ocidental, estado da Paraíba. Cidade próxima à confluência dos rios Paraíba e da Serra,  sendo conhecida como Cidade das Águas. Possui casario colonial modesto e bem conservado e é ponto de partida para a Barra do rio e Campo do Velho. 

  • Dados Gerais (IBGE, 2012)
População  4.687 hab
Área 333,471 km2
Bioma Caatinga
Aniversário 27/04/1959
  • Atrativos Turísticos
  • Tradições Culturais
  • Emancipação Política    

     Como enxurrada nessa terra das águas, vem a bonança bater de porta em porta de cada morador. Água que é tão preciosa na época de estiagem que o nordestino passa, mas que não deixa de fora a graça dessa terra abençoada. O Congo é uma cidade de privilégio e que prioriza a sua preservação pelas riquezas no lugar. O açude que abraça a cidade e alimenta a população também leva a salvação para as cidades vizinhas que pelejam pela água que lhes falta. O Congo atende suas perspectivas e honra a garra do povo congolense. Leva a diversão pelo brilho da água que desenha um belo rabo de pavão e banha os festeiros foliões de toda região. Atração no Congo são seus moradores, suas ruas e as crianças que brincam nas praças. O comércio e a interação de uma população que não medeia argumento e bate no peito para dizer que é da caririzeira terra nomeada de “mãe das águas”!

     Não deixa passar e não fazer cerimônia, pois o Congo cresce e desenvolve-se para a construção de uma cidade efetivamente de cidadãos. Uma cidade que valoriza os direitos de todos e põe satisfação em cada um desses ao usufruírem dos serviços de saúde, educação e lazer oferecidos sob total responsabilidade e cuidados da administração pública do município. O Congo passa por um crescimento condizente com o desenvolvimento do seu povo e honra suas raízes e os traços dessa população tão rica. A emancipação política do Congo trouxe para aquelas pessoas a garantia de serem reconhecidos pelo nome da sua terra e de terem uma administração própria e preocupada em atender as necessidades específicas daquela cidade. Esta é a visão do Governo atual, atender coerentemente a população congolense de acordo com as suas especificidades e acolhendo um todo para garantir uma vida digna para todos, com melhorias e investimentos no bem estar de cada morador da cidade.

    O Congo valoriza suas mulheres e a elas reconhece todo o primor que é o ser feminino. Mostra nas suas praças a atenção que cada mulher da nossa cidade merece e leva à população a conscientização de cuidados e focalização de serviços próprios às mães, às idosas e às trabalhadoras congolenses. O Governo preocupa-se sempre em atender com primor cada congolense e levar sempre a melhor assistência, visando a melhor qualidade de vida e prestar com eficiência os serviços sociais. Leva na fé do povo a segurança de união o interesse pelo melhor convívio entre todos. Durante os anos, as épocas foram marcadas sempre pela força da população que nunca se deixou perecer frente aos problemas e os descasos com a sua história e cultura.

    A cultura trata como berço a nossa região do Cariri e a cidade do Congo não dispensa elogios nem muito menos fica atrás em relação ao movimento cultural regional. A cidade das águas canta em versos a límpida água que enriquece o povo e debulha em cantigas a soberania de um povo abraçado pelo seu próprio espírito cultural. Atira em barulhentas trovoadas as riquezas dessa terra e põe de guardião de tudo aquilo que pertence ao povo os bacamarteiros em seus divinos espetáculos.

    A cidade do Congo tem em seu povo e em seus traços um valor inestimável e a riqueza maior de cada congolense é ter nascido nessa terra!

Texto: Josenice Silva



Rua Senado Rui Carneiro, s/n, Centro - Congo/PB
Telefone: (83) 3359-1100
Email: pmcongo@hotmail.com
Desenvolvido por CODTECH